O Estranho Caso de Angélica

Votos do leitores
média de votos
Drama 96 min 2010 M/12 28/04/2011

Título Original

O Estranho Caso de Angélica

Sinopse

Uma noite de tempestade, Isaac (Ricardo Trepa), um jovem fotógrafo e inquilino de uma modesta pensão da cidade da Régua, é chamado de urgência para fotografar Angélica (Pilar López de Ayala), uma jovem de famílias abastadas que morreu no próprio dia do seu casamento. Na casa da família enlutada, Isaac depara-se com a beleza quase sobrenatural da rapariga e, para seu assombro, no momento em que a olha através da objectiva, ela parece ganhar vida e sorrir-lhe. Aquele momento, simultaneamente mágico e aterrador, mudará irremediavelmente toda a existência do rapaz que, profundamente apaixonado, será para sempre perseguido por aquela visão e pelo fantasma de Angélica. <br />Última obra de Manoel de Oliveira, um filme sobre o amor e a morte, baseado num argumento escrito em 1952 sobre uma experiência do realizador. Foi o filme de abertura da secção Un Certain Regard, na edição de 2010 do Festival de Cannes. PÚBLICO

Realizado por

Manoel de Oliveira

Elenco

Leonor Silveira, Luís Miguel Cintra, Pilar López de Ayala, Ricardo Trêpa, Ana Maria Magalhães

Críticas Ípsilon

O Estranho Caso de Angélica

Jorge Mourinha

Ler mais

Mundo fantasma

Luís Miguel Oliveira

Ler mais

O Estranho Caso de Angélica

Vasco Câmara

Ler mais

O Estranho Caso de Angélica

Jorge Mourinha

Ler mais

Críticas dos leitores

Um belíssimo momento de reflexão

Ana Maria

Gostei imenso deste filme de Manoel de Oliveira, um belíssimo momento de reflexão sobre o cinema e a fotografia, entre outros temas, que nos leva em feliz viagem para muito longe dos filmes de acção dos "cinemas de pipocas". Obrigada a Manoel de Oliveira, que continua tão jovem nos seus 104 anos!

Continuar a ler

Mau

Isabel Soares

Tive a possibilidade de ver este filme num cinema em Lille, França. É tudo bastante mau, à excepção das paisagens do Douro. O resto é tão mau, tão mau, que não vale a pena perder tempo. À saída do filme, não me passou despercebida a frustração de quem viu o filme, perdendo o tempo com aquele que poderá ser talvez um dos piores filmes até ao momento, mesmo sendo de Manoel de Oliveira.

Continuar a ler

O Estranho Caso de Angélica

Maria Manuela

As imagens do Douro, lindas como elas são. Os actores só se ouviam porque com cenas com tão pouca luz não se conseguiam ver as caras. Só a dona da pensão é que era uma das melhores actrizes, sem falar no extraordinário Luís Miguel Cintra que esse nem precisava de falar... É um filme de Manoel de Oliveira e está tudo dito!

Continuar a ler

Envie-nos a sua crítica

Preencha todos os dados

Submissão feita com sucesso!