História da Minha Morte

Votos do leitores
média de votos
Drama 148 min 2013 M/12 22/05/2014

Título Original

Història de la Meva Mort

Sinopse

Giacomo Girolamo Casanova nasceu em Veneza, Itália, em 1725. Célebre pela sua existência de libertinagem e crime, foi um conquistador e amante constantemente instigado por um desejo de aventura e conhecimento que nunca o abandonou, nem na velhice. O seu espírito audaz leva-o a passar grande parte da vida em viagens por toda a Europa, onde vai encontrando algumas das mais importantes personalidades do seu tempo. Mais tarde, já de idade avançada, dedica-se à escrita das suas memórias, a que dá o nome de "História da Minha Vida", e que constituem um extraordinário testemunho do pensamento do séc. XVIII. <br /> Neste "História da Minha Morte", realizado pelo espanhol Albert Serra ("Honra de Cavalaria"), Casanova passa os seus últimos dias em terras pobres do Leste da Europa. Lá, a sua existência mundana e o seu pensamento racionalista são confrontados com uma nova força representada por Drácula, a personagem que encarna o desejo e a sedução em si mesmo. PÚBLICO

Realizado por

Albert Serra

Elenco

Vicenç Altaió, Clara Visa, Noelia Rodenas

Críticas Ípsilon

Historia da Minha Morte

Jorge Mourinha

Ler mais

O triunfo da sombra

Luís Miguel Oliveira

Ler mais

Críticas dos leitores

O rei vai nú

João Morais

Quem diz que um filme é bom só porque tem uma boa fotografia é como quem diz que um livro é bom porque tem uma bonita capa. O filme tem uma boa fotografia sim, mas mais nada. Uma desilusão completa, um embuste mesmo.

Continuar a ler

História da Minha Morte

Marcela Monte

Quem conseguir resistir ao sono provocado pela lentidão das cenas, pela escuridão e pela "música" produzida pelo mastigar ruidoso das personagens, pode admirar fotografias lindíssimas que parecem reproduções de quadros de impressionistas. Há cenas carregadas de sensualidade, mas pouco mais. Aquela gente vive numa ociosidade, que até parece que já havia mais tecnologia que a que dispomos hoje em dia.

Continuar a ler

Contra um cinema moribundo

Gabriel Bonito

Filme de leitura difícil, onde muito do que não se vê se sente. Filme de fragmentos, com uma composição cénica e uma construção literária muito ricas. Filme de um tratamento fotográfico e de iluminação da imagem que deslumbram. <br />“A História da Minha Morte” está nos limiares da perfeição. Pena que um público abstencionista não tenha já vocação para ver cinema, pena que a difusão de obras como esta morra sem piedade entre a exibição comercial rasteira que enche as nossas salas.

Continuar a ler

Envie-nos a sua crítica

Preencha todos os dados

Submissão feita com sucesso!