Cinecartaz

Raul Gomes

SPT/Expiação redenção

Um filme inócuo, básico, longe dos melhores momentos de Paul Schrader, até como argumento.
Um trauma de acontecimentos verificados na guerra do Iraque, em Abu Ghraid e outras prisões, que depois se replicaram em Guantánamo, e que deixou em muitos um sentimento de culpa, tentativa de expiação e até de redenção, mas que no seu total nos deixa uma sensação de distanciamento e de certa forma de encobrimentos das violações ocorridas, e das tentativas de branqueamento, que se seguiram.
Desilusão final, que não estava habituado os filmes e argumentos deste realizador.
Nem Óscar Isaac, nem Scorcese como produtor executivo conseguem salvar o filme.
Uma das grandes desilusões do ano.

Publicada a 22-11-2021 por Raul Gomes