Esquecido

Votos do leitores
média de votos
Acção, Ficção Científica 126 min 2013 11/04/2013 EUA

Título Original

Oblivion

Sinopse

<p>2073. Todo o planeta Terra se encontra destruído após um ataque alienígena, há seis décadas, que obrigou à evacuação de toda a população terrestre. Jack Harper (Tom Cruise) é um dos últimos capazes de reparar "drones", que ali se mantêm para dizimar possíveis ameaças. De maneira a extrair os últimos recursos do planeta moribundo, Harper é enviado para terminar uma missão cuja importância é vital para a sobrevivência da Humanidade, que vive agora numa colónia sob condições artificiais. Porém, depois de encontrar e salvar Julia (Olga Kurylenko), uma jovem que ele sente reconhecer do passado, conhece Malcolm Beech (Morgan Freeman), um sobrevivente ao ataque dos extraterrestres que, durante estes anos, tem criado um grupo de resistentes e que se recusa a partir. O inesperado encontro desencadeará uma série de eventos que vão fazê-lo questionar tudo o que sabe acerca da guerra e do que levou o planeta à ruina.<br />Um filme de ficção científica que é a segunda obra de Joseph Kosinski, depois do sucesso de "Tron: O Legado 3D", em 2010. PÚBLICO</p>

Críticas Ípsilon

Esquecido

Jorge Mourinha

Ler mais

Críticas dos leitores

O Esquecido

Paula Laureano

Apesar de não gostar de este tipo de filmes, galáxia e futuro, achei este filme exelente mais uma vez o Tom Cruise e os restantes atores estão de parabéns.

Continuar a ler

Não se percebe bem

Carolina

Vi o filme e a história não se percebe bem.

Continuar a ler

Deve ser bom

João

Normalmente os filmes com o Tom Cruise são "very cool".

Continuar a ler

Diminuir a espetacularidade de Tom Cruise: Missão Impossível

Rita Costa

Tenho a admitir ter os meus próprios pensamentos pré-concebidos antes de me sentar para ver o filme. <br />Mais um grande filme dedicado a fazer do Tom Cruise um ser mítico, com uma espetacularidade superior ao comum mortal. Cambalhotas, tiros , ele fica com a miúda e pouco mais. Não querendo enganar, eu adoro o Tom Cruise xD mas há que admitir que já estamos algo habituados a este panorama quando ele é a personagem principal. E não nego que a primeira parte saiba um pouco a isso, mas esquece-se com o poder da segunda e na essência total do filme. <br />Esta adaptação do trabalho de Kosinski acabou por me surpreender pela positiva. <br />O enredo é forte, surpreendente para quem ainda não conhece a história. O que admitamos também começa a ser muito raro. O trabalho dos atores é sólido. Em termos técnicos é praticamente impecável. <br />É um bom filme, que garante umas horas de diversão. Não é um espetaculozinho de Hollywood fácil, mas também não é tem uma profundidade limitadora. Aconselho.

Continuar a ler

Hollywood está sem ideias

Campos

Mais do mesmo...Hollywood secou.

Continuar a ler

ESQUECIDO

Antonio Silva

<p>A não perder. Desde os meus 17 anos que leio livros de ficção científica! Agora no cinema e com novas técnicas de som, um filme de ação, romance e excelentes interpretações dos actores e actrizes! Se puderem não percam!</p>

Continuar a ler

Gostei

Sandra

Apesar de não gostar particularmente de ficção científica.

Continuar a ler

Um belo filme

MK

<p>Pessoalmente, gostei bastante do filme, direi mesmo que superou as minhas expectativas. Visualmente penso que o filme está impecável, tal como a banda sonora, o argumento e, não menos importante, as interpretações, nomeadamente a de Tom Cruise que, na minha opinião, está cada vez melhor como actor à medida que os anos passam. 4*</p>

Continuar a ler

Vão ver

Rui Pedrosa Franco

<p>É um filme cheio de "ambiente". Não merece, talvez, uma segunda visualização mas a primeira é, com certeza, feita com grande agrado.</p>

Continuar a ler

Um dos filmes do ano

Mário

"Oblivion" é um filme com uma forte componente visual, bem contado e bem representado. Do ponto de vista social, humano, e até filosófico, muito bom. O choque da tecnologia versus natureza dá mote a um filme que será certamente, junto de "Cloud Atlas", como um dos que ficarão para a história. É com tristeza que vejo os comentários tão fracos de JM, são superficiais e pouco úteis para quem quer ir ao cinema. Claro que o filme tem alguns pontos em comum com outros, o mais notório é "2001 - Odisseia no Espaço". Mas isso é normal, porque quase todos os filmes têm seres humanos no enredo. Esquecendo a típica falta de capacidade (ou a má vontade) dos críticos, pode-se dizer - para terminar - que para lá do design das coisas e da sua respectiva frieza, própria de uma espécie alienígena, fica explicado que no final das coisas, tal espécie não pode nem nunca vai entender o que a raça humana ainda tem de bom, que é a sua capacidade de compaixão e sacrifício pelo bem maior, valores que infelizmente se estão a perder.

Continuar a ler

Envie-nos a sua crítica

Preencha todos os dados

Submissão feita com sucesso!