Um Eléctrico Chamado Desejo

Votos do leitores
média de votos
Drama 117 min 1951 01/01/2001

Título Original

A Streetcar Named Desire

Sinopse

Um Eléctrico Chamado Desejo é a melhor produção cinematográfica da peça homónima de Tennessee Williams e um dos filmes mais conhecidos de Elia Kazan. Criou muita controvérsia na altura da sua saída e foi considerado imoral e decadente. Foram censuradas várias cenas - onde se nota a tensão sexual entre Blanche (Vivien Leigh) e Stanley Kowalski (Marlon Brando) ou a atracção carnal de Stella Kowalski (Kim Hunter) pelo marido -, que só viriam a ser repostas numa versão reeditada em 1993. O filme apresenta Marlon Brando num dos papéis mais significativos da sua carreira. A interpretação do papel de Stanley, o herói rude mas elegante da história, influenciou as gerações seguintes de actores. E Vivien Leigh no papel de Blanche, a desencantada cunhada de Kowalski, também é excelente.<br/> Marlon Brando não ganhou com este filme o Óscar que merecia. No entanto, a interpretação de Vivien Leigh foi distinguida com o Óscar de melhor actriz principal e Karl Malden e Kim Hunter com os Óscares de melhor actor e melhor actriz secundários. O filme ganhou ainda o Óscar de melhor direcção artística (George James Hopkins e Richard Day). - <b>Mariana Mata</b> PUBLICO.PT

Realizado por

Elia Kazan

Elenco

Vivien Leigh, Karl Malden, Marlon Brando, Kim Hunter

Críticas Ípsilon

Não existem críticas dos nossos críticos.

Críticas dos leitores

Não existem críticas dos nossos leitores. Por favor envie-nos a sua através do formulário.

Envie-nos a sua crítica

Preencha todos os dados

Submissão feita com sucesso!