Cinecartaz

Pub
Cartaz do Filme

Príncipe da Pérsia: As Areias do Tempo

Título original:
Prince of Persia: The Sands of Time
De:
Mike Newell
Com:
Jake Gyllenhaal, Ben Kingsley, Gemma Arterton, Alfred Molina
Género:
Aventura
Classificação:
M/12
Outros dados:
EUA, 2010, Cores, 115 min.
Links:
Site Oficial

Império Persa, século VI. O destino de Dastan (William Foster em criança / Jake Gyllenhaal em adulto) era tornar-se príncipe, mesmo que as suas origens não o fizessem prever. Sem família, sozinho e abandonado à sua sorte, vagueia pelas ruas sobrevivendo graças apenas à generosidade alheia. Para aquela criança, cada dia é uma aventura e sobreviver um enorme desafio. Quando um capitão do Exército o castiga severamente por defender um amigo que rouba uma maçã, Dastan é poupado e adoptado pelo rei Sharaman (Ronald Pickup), acabando por crescer de acordo com os nobres ensinamentos do seu pai adoptivo e do seu tio Nizam (Ben Kingsley), um homem cuja vida é exemplo de sabedoria e bondade.
Já adulto, Dastan, querendo provar o seu valor e demonstrar gratidão para com o rei que o tratou como filho, segue para Alamut, uma cidade aliada aos seus mais antigos inimigos. Mas Alamut encerra um antigo segredo: as lendárias areias do tempo. Quando o rei Sharaman é cruelmente assassinado e Dastan acusado do crime, ele encontra na princesa Tamina a única aliada para limpar o seu nome. Tamina ensinará o seu novo amigo a sobreviver a todos os perigos do deserto e os dois irão encontrar o segredo encerrado nas areias que, segundo a lenda, consegue reverter o tempo e dar, a quem o controlar, o poder de subjugar o passado e o presente.
Realizado por Mike Newell, é baseado nos jogos de vídeo "O Príncipe da Pérsia", criados em 1989 por Jordan Mechner, que fez parte da equipa de argumentistas e produtores.

PÚBLICO

PUB

Votos dos Leitores

Média da votação dos leitores, num total de 525 votos (carregue na posição pretendida para votar)

Votos dos Críticos

Envie-nos a sua crítica

Para submeter o seu comentário tem que ter javascript activo no seu browser.

Pedimos que respeite os nossos Critérios de Publicação. Reservamo-nos o direito a não publicar quaisquer comentários inadequados ou ofensivos. O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados. Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.

Críticas dos nossos leitores