Cinecartaz

afg

Parabéns

Parabéns ao realizador e toda a sua equipa, principalmente a estas personagens reais que merecem de todos nós o maior respeito. Um zero de classificação a todos os críticos que tão pouca importância têm dado a este filme, mostrando fazerem parte de uma classe que pouco se importa com o que a sociedade civil tem desenvolvido nas periferias. Também eu, vivendo na Ásia e num país onde o abismo entre classes é uma coisa aterrorizadora, sinto que só não vê quem nao quer ver. Este filme e mais um filme de alerta a toda a sociedade civil para que abra bem os olhos e lute contra esta desigualdade humana que continua a existir em pleno século XXI, e onde existem milhões de criancas ainda aterrorizadas que se tornam bandidos e violentos. Outros morrem a fome, são violentados, crescem cheios de traumas interiores,etc. Não deixando de lembrar que somos todos nós, sociedade civil, que impomos este ambiente violento... e para o qual contribuimos no dia-a-dia com notícias, reportagens, guerras, fome... É preciso acordar. E quem não concorda com o filme ou lhe dá pouca importância, tire uns dias da boa vida e passe alguns dias nesses bairros. Pode ser que acorde de um sonho e passe a viver a realidade... Sim, porque infelizmente a realidade é esta mesmo.

Publicada a 24-02-2004 por afg