Cinecartaz

Pub

Helena e os Homens

Título original:
Elena et les Hommes
De:
Jean Renoir
Com:
Ingrid Bergman, Jean Marais, Jean Richard, Mel Ferrer
Género:
Comédia Dramática
Classificação:
M/12
Outros dados:
FRA/ITA, 1956, Cores, 92 min.

Um puro “divertimento”, em que Renoir, segundo as suas próprias palavras, se divertiu “como um rei”, sem preocupações de lógica e deixando-se arrastar pelo improviso, estilo perfeito para esta comédia ligeira, tão séria como o prazer, sobre a viúva de um príncipe polaco que se julga destinada a servir de musa a homens célebres. Um deles será um general, arrastado para uma aventura política na França da “Belle Époque”. Já houve quem dissesse que era o mais mozartiano filme de sempre. Foi o primeiro filme de Ingrid Bergman em momento de rutura com Rossellini. “O filme é sobre outra coisa – sobre o erotismo raro de Ingrid Bergman, e o modo como o seu rosto parece ter uma luz interior em cinema. Terá havido atriz mais sensual no cinema? Numa crítica ao filme, François Truffaut observou que ‘o sexo é o único foco de atenção’” (Roger Ebert). Texto: Cinemateca Portuguesa

Votos dos Leitores

Média da votação dos leitores, num total de 15 votos (carregue na posição pretendida para votar)

Votos dos Críticos

Não existem votos dos nossos críticos.

Envie-nos a sua crítica

Para submeter o seu comentário tem que ter javascript activo no seu browser.

Pedimos que respeite os nossos Critérios de Publicação. Reservamo-nos o direito a não publicar quaisquer comentários inadequados ou ofensivos. O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados. Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.

Críticas dos nossos leitores

Não existem críticas dos nossos leitores. Por favor envie-nos a sua através do formulário à sua esquerda.