Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo

Votos do leitores
média de votos
Aventura, Comédia, Acção 132 min 2022 M/14 07/04/2022 EUA

Título Original

Everything Everywhere All at Once

Sinopse

A malaia Michelle Yeoh, uma das grandes estrelas de acção de Hong Kong dos anos 1980 e 1990, é a protagonista desta comédia de acção escrita e realizada pelo duo Daniels (Dan Kwan e Daniel Scheinert), que começou nos telediscos e fez filmes com “Um Corpo para Sobreviver”. No filme, Yeoh é Evelyn Wang, uma imigrante chinesa nos Estados Unidos que tem a dura missão de salvar o mundo atravessando vários universos paralelos e explorando todas as vidas que não chegou a viver.
Além da actriz, o elenco inclui Stephanie Hsu, Ke Huy Quan, James Hong, Jamie Lee Curtis, Jenny Slate e Harry Shum Jr. A banda sonora, a cargo de Son Lux, conta com nomes como David Byrne, Mitski, Randy Newman ou André 3000. PÚBLICO

Críticas Ípsilon

A verdadeira mulher maravilha

Jorge Mourinha

Uma carta de amor à divina Michelle Yeoh que é também uma generosa, e desvairada, fantasia.

Ler mais

Críticas dos leitores

Comentário ao comentário do comentador José Miguel Costa

L. Mota. B

Uma vez que aceitaram já um comentário não sobre o filme, mas sobre o comentador José Miguel Costa, tenho a expectativa que possam considerar também este meu.
Venho por este meio discordar respeitosamente de tal apreciação. Considero que os críticos do Público, e mesmo inúmeros comentadores anónimos, têm muito mais "sumo", e "bagagem".
Note-se que o (ab)uso de aspas e outros maneirismos é propositado.

Quanto a este filme, fabuloso. Assim mesmo, sem explicação.
Essa fica para os críticos.

Continuar a ler

Comentário ao espectador/crítico J. Miguel Costa

M. Silva P

O sr Miguel Costa é que devia fazer parte dos vossos críticos oficiais, pois as suas apreciações revelam grande conhecimento de cinema, sem qualquer pedantismo ou "pseudo-intelectualismo" como os críticos oficiais. São sempre reviews muito equilibradas e nas quais podemos confiar totalmente sem receio de irmos enganados por falsos intelectualismos.
Continuar a ler

3 estrelas

José Miguel Costa

<p>Quando visionei pela primeira vez o trailer de "Tudo Em Todo O Lado Ao Mesmo Tempo", da dupla Daniel Kwan e Daniel Scheinert, achei que o filme não passaria uma tontice total, que não merecia o dispêndio do meu tempo (e dinheiro) numa ida ao cinema. Todavia, após a sua estreia, fui tropeçando em múltiplas críticas entusiastas, tal como também constatei que este é distribuído pela independente A24, pelo que lá me deixei convencer (sou um fácil!).<br /> O meu instinto não me enganou, efectivamente "aquilo" (uma espécie de sci-fi cómico com uns pozinhos de artes marciais e pseudodrama existencialista - misturado esquizofrenicamente em modo de "paródia" aos filmes do género) é uma idiotice pegada (mas, simultaneamente, extremamente caricato e inventivo).<br /> <br /> Um indescritível exagero frenético (sem necessidade de recorrer ao aparato de efeitos especiais habitual nas películas de "super-heróis" e vilões) que nos deixa estonteados e extenuados. No entanto, como podemos não amar a depressiva imigrante chinesa nos USA, dona de uma lavandaria quase insolvente, que apenas pretende não ter problemas com a senhora da repartição de finanças, mas que acaba, sem saber como (nem porquê), a viajar por universos paralelos (e encarnando várias versões de si), por alegadamente ser a "escolhida" para salvar o mundo das garras da malvada... filha? Grande interpretação de Michelle Yeoh!</p>
Continuar a ler

Envie-nos a sua crítica

Preencha todos os dados

Submissão feita com sucesso!