Piccolo Corpo

Imagem Cartaz Filme
Foto
Votos do leitores
média de votos
Imagem Cartaz Filme
Foto
Votos do leitores
média de votos
Drama 89 min 2021 M/12 22/02/2024 Eslovénia, FRA, ITA

Título Original

Itália, Inverno de 1900. Depois de um parto demorado, Agata (Celeste Cescutti) deu à luz a sua filha morta. Para tornar o seu desgosto ainda mais profundo, foi-lhe ensinado que, segundo a tradição católica, alguém que não tenha dado o primeiro suspiro não pode ser baptizado, o que significa que a alma da criança está condenada a vaguear no limbo durante a eternidade, longe da presença de Deus. 

Mas há quem diga que existe uma pequena igreja, num lugar isolado nas montanhas, onde nados-mortos podem ser ressuscitados por um breve momento, para que possam ser purificados pelo baptismo e autorizados a atravessar as portas do Céu. 

Desesperada por libertar a alma da sua bebé, Agata retira o corpo da sepultura, que coloca numa caixa, e parte em direcção às montanhas. No caminho, conhece Lynx (Ondina Quadri), um rapaz que conhece bem a zona e que se oferece para a ajudar em troca do conteúdo da caixa. Mas o percurso é acidentado e, até chegarem ao destino, os dois vão ter de enfrentar muitos perigos.

Apresentado nos Festivais de Cinema de Cannes, Toronto ou Annecy, e vencedor da 14.ª edição da Festa do Cinema Italiano, um drama que tem por base uma crença popular italiana. A realização é de Laura Saman, que aqui se estreia em longa-metragem. PÚBLICO 

Críticas Ípsilon

Piccolo Corpo, um filme pequeno

Vasco Câmara

A primeira obra da italiana Laura Samani é um exemplar, dada a sua natureza laboratorial, da fabricação de tendências e estimas dos festivais.

Ler mais

Sessões

  • Porto

Críticas dos leitores

Não existem críticas dos nossos leitores. Por favor envie-nos a sua através do formulário.

Envie-nos a sua crítica

Preencha todos os dados

Submissão feita com sucesso!