Cinecartaz

Ivo Miguel Barroso

Filme interessante

Não é uma “Medeia”, mas é um bom filme.
É um filme interessante. Desde logo, conta uma história com princípio, meio e fim (o fim poderia ser melhor).
O tema do ciúme amoroso e da inveja está bem colocado.
Não é uma “Medeia” – em que mata os filhos que teve com Jasão -, mas retrata bem o sentimento do ciúme amoroso numa mulher mais velha, que comete uma omissão imoral.
Não chega a haver propriamente um triângulo amoroso.
b) Há certas coisas a mais no filme: o miúdo atear fogueiras; a traição ao 1.º marido. O cenário da Feira/Parque de diversões junto à praia poderia servir para melhor do que mero cenário (pense-se no final de “Strangers on a train”, de Hitchcock”). A “paixão à primeira vista” e a declaração de amor por Caroline são forçadas. Tudo isto poderia ser evitado, se Woody Allen deixasse de querer ser guionista sozinho.
c) Os 3 actores têm boas actuações, especialmente Kate Winslet; menos um pouco a actriz que faz de Carolina (Juno Temple).
d) Woody Allen pega na classe baixa, embora não tão baixa; o que não é muito habitual na sua filmografia.
e) É talvez o melhor filme de Woody Allen desde 2005, com “Match Point”.
4,5 estrelas

Publicada a 11-01-2018 por Ivo Miguel Barroso