Aparição

Votos do leitores
média de votos
Drama, Romance 115 min 2018 M/12 22/03/2018 POR

Título Original

Aparição

Sinopse

<div>Década de 1950. Alberto Soares, um jovem professor acabado de formar, é colocado em Évora, uma cidade provinciana e moralista. Lá, encontra o Dr. Moura, um grande amigo do falecido pai, que lhe apresenta as suas três filhas. No liceu, onde dá aulas, Alberto discute com os alunos as suas teorias existenciais e a sua desesperada busca por si mesmo. Estas vivências motivam-no a escrever um romance sobre a morte, onde ele próprio se assume como protagonista…</div><div>Vencedor do prémio de Melhor Filme Português no Fantasporto, um filme dramático realizado por Fernando Vendrell ("Fintar o Destino", "O Gotejar da Luz", "Pele"), que adapta o livro homónimo escrito por Vergílio Ferreira, um dos romances mais importantes da literatura portuguesa do século XX. Jaime Freitas, Victória Guerra, Rita Martins, João Cachola, Rui Morrison, João Lagarto, Teresa Madruga e Ricardo Aibéo dão vida às personagens. PÚBLICO</div><div><br /></div>

Críticas Ípsilon

Desaparição

Jorge Mourinha

Uma adaptação inerte do romance de Vergílio Ferreira

Ler mais

Críticas dos leitores

Aparição

António

Obra fundamental da literatura portuguesa, difícil, densa e intemporal que o realizador ousou em mergulhar nas suas profundezas. Mostra-nos um filme que em qualquer parte arrebata sentimentos e angustias que os personagens vivem e transmitem aos espectadores. Bom cinema e Português.
Continuar a ler

Aparição

Maria Gonçalves

Um bom filme. É pena a banda sonora ser inexistente.
Continuar a ler

Aparição

Rosa

Adorei o filme. Excelentes atores, fotografia incrível, maravilhosa intensidade do existencialismo.
Continuar a ler

2* - Pois...

Luis

...nem sempre se consegue fazer um bom filme de um bom livro. Insípido em toda a linha. Esperava mais, agora que tenho visto alguns filmes portugueses do meu agrado.
Continuar a ler

O presente é o único tempo do Homem

Leonor

Se havia livro cujo filme aguardava com ansiedade, esse livro era Aparição, de Vergílio Ferreira, livro obrigatório no meu ensino secundário na cadeira de Português. Mas trata-se sobretudo de uma obra de Filosofia. De existencialismo. Porque essa é a questão maior da vida, o sentido da existência humana, a morte e a significância ou insignificância de estarmos vivos e de nos ligarmos uns aos outros por amor ou porque nos sentimos sós e aflitos. Jorge Mourinha tece uma crítica pouco positiva à transposição de tudo isto para a tela mas eu considero, ao contrário, que Fernando Vendrell fez tudo com enorme mestria e selecionou um naipe de atores incríveis. Não dou 5 estrelas por sentir que falta uma banda sonora à altura do filme. Apenas por isso.
Continuar a ler

Envie-nos a sua crítica

Preencha todos os dados

Submissão feita com sucesso!