Cinecartaz

Pub
Cartaz do Filme

Sonhos de Akira Kurosawa

Título original:
Yume
De:
Akira Kurosawa
Com:
Akira Terao, Mieko Harada, Mitsuko Baisho, Toshie Negishi
Outros dados:
JAP/EUA, 1990, Cores, 119 min.

No meio de uma tempestade, um grupo de viajantes recebe um encanto de uma fada da neve; um rapaz espreita o cortejo matrimonial de raposas; corvos erguem-se majestosamente sobre um campo de trigo... O filme "Sonhos de Akira Kurosawa" é composto por oito curtas ("Sunshine Through The Rain", "The Peach Orchard", "The Blizzard", "The Tunnel", "Crows", "Mount Fuji in Red", "The Weeping Demon" e "Village of the Watermills") que sobreviveriam perfeitamente sozinhas. O problema é que o sonho é demasiado longo. Uma parada de imagens (mesmo quando são deslumbrantes), tal qual Akira filma, pode muitas vezes perturbar os sentidos e mesmo cortar a respiração. Numa das sequências, 60 bonecas ganham vida numa colina sob flores de pessegueiros. Numa outra, uma explosão numa central nuclear provoca a queda do Monte Fuji (o pico mais alto do Japão, com 3776 metros). A beleza da natureza e o horror do caos continuam a incentivar neste filme o realizador, que morreu em 1998 aos 88 anos, a cada vez níveis mais altos de criatividade. O filme foi nomeado para os Globos de Ouro, na categoria de melhor filme estrangeiro, e para o Prémio Paz da PFS (Sociedade de Filmes Políticos norte-americana).

Carla B. Ribeiro (PUBLICO.PT)

PUB

Votos dos Leitores

Média da votação dos leitores, num total de 1 votos (carregue na posição pretendida para votar)

Votos dos Críticos

Não existem votos dos nossos críticos.

Envie-nos a sua crítica

Para submeter o seu comentário tem que ter javascript activo no seu browser.

Pedimos que respeite os nossos Critérios de Publicação. Reservamo-nos o direito a não publicar quaisquer comentários inadequados ou ofensivos. O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados. Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.

Críticas dos nossos leitores

Não existem críticas dos nossos leitores. Por favor envie-nos a sua através do formulário à sua esquerda.