Cinecartaz

Rosa Matilde

sangue branco

Quem considera que o filme é mais do mesmo é porque não é sensível a esse mesmo.
O início do filme mostra-nos um passado que se mantém no presente e insistir na temática apenas tem uma interpretação: os problemas raciais estão vivos e fortalecidos. Se juntarmos a mentalidade apoucada de um povo à manipulação do incendiário Trump, o problema tende a perpetuar-se.

Publicada a 10-09-2018 por Rosa Matilde