Cinecartaz

Susana Mendes

Mark Rylance

O que me saltou à vista neste filme foi sem dúvida a interpretação de Mark Rylance, no papel de espião russo. Como eu não tive quaisquer dúvidas da nomeação e da vitória de Christoph Waltz aquando do "Django Unchained", do Quentin Tarantino, também não tenho neste. Será mais que merecido se ganhar e lamento pelo Stalone e pelo Tom Hardy caso isso aconteça, mas Mark Rylance está irrepreensível!

Publicada a 25-01-2016 por Susana Mendes