Cinecartaz

Álvaro

June Squibb

Filme bem feito sobre a decadência de alguém que vive na América profunda e que nunca deve ter saído do lugar onde viveu nem nunca leu nada e daí ter um fim só um pouco diferente do dos velhos do Alentejo. Mas uma interpretação vale todo o filme: June Squibb. Quando está presente rouba toda a cena.

Publicada a 02-04-2014 por Álvaro