Cinecartaz

André Santos

O cinema é falso

Muita gente critica o filme por ser falso como se o cinema não fosse a "arte da falsidade", procurando criar-nos emoções. Raramente a arte realista atingiu patamares elevados de qualidade. O realizador consegue dar um tom próprio e interessante a um género que se pensava definitivamente explorado e a direção de atores é excelente. Se, como escrevia Pessoa, "o poeta é um fingidor", não se percebe a crítica a este filme.

Publicada a 07-02-2014 por André Santos