Cinecartaz

Mário Rui Santos

O retorno da alma gémea

Alguma graça com umas personagens um bocado estranhas e mal construídas, e de repente... tudo se cruza no fim e a velha tese (já batida e desactualizada) da alma gémea lá prevalece.
Não sei se sou eu que estou a ficar velho e pouco paciente para estes filmes ou se estou a ficar mais sábio e exigente com as histórias que nos tentam impingir.
Mal comparado: um "American Beauty" em formato fast-food...

Publicada a 13-10-2011 por Mário Rui Santos