Cinecartaz

EM

Aboonmenável

Achei o filme aboonmenável. Perdoem-me a falta de cultura no que toca a mitologia (?) tailandesa, formalismos cinematográficos, etc. e tal. Para ver este filme como gente grande será preciso tirar um curso, e marrar os quatro filmes anteriores do senhor, supõe-se. O filme é uma sequência de diálogos soltos, entediantes, profundos-não-querendo-parecer-profundos-nós-é-que-devemos-intuir-de-alguma-forma-esquisita-que-são e não tem personagens a não ser esses mesmos diálogos (tanto quanto se entende personagem = algum carisma + contexto + vontade + sentido). Sim, existe o fulano-que-está-a-morrer, a cunhada, a mulher-fantasma (vidas passadas aonde?) o macaco-filho, a cunhada, e mais uma ou duas "personagens" que passam o filme num rame-rame absurdo.

Publicada a 03-04-2011 por EM