Cinecartaz

Emilia

Nós no Outro

Ao ver este filme, à semelhança do "In The Mood For Love" de Wong Kar-Wai mas por razões diferentes, senti-me deliciosamente confundida pelos diálogos a ponto de, por vezes, não saber se estava a ver o original (um casal) ou uma cópia (um suposto casal). Além disso, vi uma Juliette belíssima na sua simplicidade e feminilidade, angustiada na sua realidade e exposta na sua fragilidade, muito em particular no final quando deliberadamente gagueja Ja-ja-ja-mês. Diálogos inteligentes, mesmo quando ausentes, na experiência de vida que traduzem, como é o caso da cena no "Café", e quando relativizam o olhar o Outro. É Pedro, o "Nós" não é a soma de dois "Eu´s"...

Publicada a 18-01-2011 por Emilia