Cinecartaz

Pub

Beuys

Título original:
Beuys
De:
Andres Veiel
Género:
Documentário
Classificação:
M/12
Outros dados:
ALE, 2017, Cores, 107 min.

Nascido em Krefeld (Alemanha) a 12 de Maio de 1921, o artista Joseph Beuys produziu obras em vários suportes e técnicas, desde escultura, "performance", vídeo ou instalação. Apesar da notória queda para a arte desde muito jovem, decidiu fazer carreira em medicina. Com o advento da Segunda Grande Guerra, alistou-se na Força Aérea. Depois da guerra, inscreveu-se na Academia de Belas Artes de Düsseldorf, que frequentou entre 1946 e 1951. Durante a década de 1950, dedicou-se principalmente ao desenho. A partir de 1961, tornou-se professor de escultura na instituição onde foi aluno, mas acabou por ser demitido em 1972 por insubordinação, depois de insistir que as suas aulas deveriam ser abertas a qualquer interessado. Mais tarde, conheceu o movimento Fluxus, criando "performances" e trabalhos multidisciplinares que reuniam artes visuais, música e literatura. Com o tempo, a sua obra tornou-se cada vez mais assente na crença de que a arte deve ser um elemento de comunicação e ter um papel na sociedade. Beuys morreu de insuficiência cardíaca, a 23 de Janeiro de 1986. Tinha 65 anos.
Em competição pelo Urso de Ouro no Festival de Cinema de Berlim, "Beuys" é um documentário da autoria de Andres Veiel ("Wer Wenn Nicht Wir") sobre um dos mais singulares e influentes artistas alemães da segunda metade do século XX. PÚBLICO

Votos dos Leitores

Média da votação dos leitores, num total de 19 votos (carregue na posição pretendida para votar)

Votos dos Críticos

Envie-nos a sua crítica

Para submeter o seu comentário tem que ter javascript activo no seu browser.

Pedimos que respeite os nossos Critérios de Publicação. Reservamo-nos o direito a não publicar quaisquer comentários inadequados ou ofensivos. O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados. Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.

Críticas dos nossos leitores

Não existem críticas dos nossos leitores. Por favor envie-nos a sua através do formulário à sua esquerda.