Cinecartaz

Sete Irmãs

Título original:
What Happened To Monday?
De:
Tommy Wirkola
Com:
Noomi Rapace, Glenn Close, Willem Dafoe
Género:
Drama, Acção, Aventura
Classificação:
M/16
Outros dados:
EUA/BEL/GB/FRA, 2017, Cores, 123 min.

Num futuro não muito distante, o aumento populacional fez com que os recursos naturais do planeta Terra se tornassem insuficientes. Para contornar o problema da escassez, foram criados alimentos geneticamente modificados. Mas as decisão revelou-se desastrosa: a consequência foi uma anormal gestação de gémeos, que agravou o problema de sobrepopulação. Por causa disso, o Governo, em parceria com o Comité do Controlo da Natalidade, criou o que chamaram de nova política do filho único. Quando Karen Settman morre numa sala de partos ao dar à luz as suas sete filhas, Terrence, o pai dela, decide que vai contrariar as políticas governamentais e salvar as suas netas. De modo a passarem despercebidas, ele dá a cada uma o nome de um dia da semana e cria uma regra rígida que todas têm de seguir: apenas podem sair à rua no dia da semana correspondente ao seu nome, assumindo sempre a identidade de Karen Settman, a sua falecida mãe. Tudo corre sem imprevistos durante quase três décadas. Até que, num domingo como tantos outros, uma delas sai de casa e nunca mais regressa…
Com Noomi Rapace, Glenn Close e Willem Dafoe nos papéis principais, um "thriller" de ficção científica realizado por Tommy Wirkola ("Hansel & Gretel: Caçadores de Bruxas”, "Os Mortos-Vivos Nazis"), segundo um argumento seu e de Max Botkin. PÚBLICO

Votos dos Leitores

Média da votação dos leitores, num total de 37 votos (carregue na posição pretendida para votar)

Votos dos Críticos

Não existem votos dos nossos críticos.

Envie-nos a sua crítica

Para submeter o seu comentário tem que ter javascript activo no seu browser.

Pedimos que respeite os nossos Critérios de Publicação. Reservamo-nos o direito a não publicar quaisquer comentários inadequados ou ofensivos. O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados. Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.

Críticas dos nossos leitores