Cinecartaz

O Filho de Saul

Título original:
Son of Saul
De:
László Nemes
Com:
Géza Röhrig, Levente Molnár, Urs Rechn
Género:
Drama, Terror
Classificação:
M/16
Outros dados:
HUN, 2015, Cores, 107 min.

Auschwitz (Polónia), 1944. O judeu Saul Ausländer (Géza Röhrig) é membro do Sonderkommando, o grupo de prisioneiros recrutados entre os recém-chegados, cuja função é a execução das tarefas mais críticas dos campos de concentração, evitadas pelos alemães. A sua função é limpar as câmaras de gás e enterrar os mortos. Devido à sua condição especial – e para manter secretas as operações de extermínio – este grupo é mantido isolado dos restantes prisioneiros. Um dia, durante os trabalhos num dos crematórios, Saul descobre o corpo de um rapaz que reconhece como sendo o seu próprio filho. A partir daquele momento, a vida de Saul ganha um novo alento e ele fica obcecado com uma missão quase impossível: salvar o corpo do rapaz de uma autópsia e encontrar um rabino que lhe realize um funeral religioso que salve a sua jovem alma...
Realizado por László Nemes, segundo um argumento seu em parceria com Clara Royer, um filme dramático que arrecadou o Grande Prémio do Júri e o Prémio da Crítica Internacional no Festival de Cannes 2015. Depois de vencer o Globo de Ouro para Melhor Filme Estrangeiro, foi escolhido para representar a Hungria na competição de Óscar de Melhor Filme Estrangeiro da edição de 2016. PÚBLICO

Votos dos Leitores

Média da votação dos leitores, num total de 81 votos (carregue na posição pretendida para votar)

Votos dos Críticos

Envie-nos a sua crítica

Para submeter o seu comentário tem que ter javascript activo no seu browser.

Pedimos que respeite os nossos Critérios de Publicação. Reservamo-nos o direito a não publicar quaisquer comentários inadequados ou ofensivos. O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados. Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.

Críticas dos nossos leitores