Cinecartaz

JCM

"120%" americano

Manual de boas maneiras, do politicamente correcto, é certinho e exaustivo porque se pretende didáctico (e é). Chega a ser panfletário (veja-se o discurso da professora no refeitório). Coerente até ao fim, acaba magistralmente com a cena da amiga a dar o lugar no carro ao namorado (dele). Estávamos de volta à América tradicionalista, ritualizada, provinciana (no bom sentido). 120% americano, como só eles sabem ser e retratar-se (nem falta a mão no peito para ouvir o Hino) continua a assentar na distinção clara, intransponível, excludente, entre homo e hetero... Mas, enfim, é um filme deliberadamente didáctico, para ser passado nas escolas. Mas já tem 40 anos "A Gaiola das Malucas", a 1ª, a do Tognazzi (a da linha imaginária...)!

Publicada a 24-06-2018 por JCM