Cinecartaz

José Cruz de Magalhães

Aplauso e aclamação

Imperdível. A noite, como a terão visto raros portugueses vivos e viveram muitos, que já estão mortos. Como me incluo nos primeiros, já que a a aventura dos dias não permitia ocupar as noites doutra forma que não dispenssasse os sonhos, acabei de completar o conhecimento dessas negras horas do dia, de um tempo e de um espaço que está perdido. Esta obra é uma peça indispensável da museologia contemporânea. Vou recomendar e convidar amigas e amigos para verem esta obra maior do nosso cinema.

Publicada a 04-06-2018 por José Cruz de Magalhães