Cinecartaz

Isabel

O INFERIOR interesse da criança

Um filme que nos põe na pele de uma criança de 11 anos, filha de um casal com historial de violência doméstica. Sente-se do início ao fim, o medo que esta criança tem do pai. Num contexto em que muitos (avós, mãe, irmã) lhe dão carinho, na realidade, não o protegem. E é ele, numa inversão de papéis, quem mais se preocupa em proteger a mãe e o avô.
Mais do que um drama, eu diria que este é um filme de terror. E sabe-se que este terror nunca acaba para aqueles que têm a sorte de lhe sobreviver.
Filme obrigatório para todos os que estão envolvidos em decisões judiciais que envolvem crianças, quer em processos de divórcio ou outros.
Faltava um filme assim!

Publicada a 29-03-2018 por Isabel