Cinecartaz

Rita Bauer

Marcando o passo até Fátima

É um caminho longo abreviado em duas horas e meia de cinema que nos "obriga" a experimentar o cansaço, a irritabilidade, o conflito, a dúvida, próprios de quem o percorre... a interpretação de Rita Blanco é especialmente real e transmite ao espectador a força e coragem para continuar como faz ao grupo que lidera...O caminho é de resto a metáfora perfeita da vida, há que continuar e saber o que realmente é importante.
Bom filme!

Publicada a 02-05-2017 por Rita Bauer